Viagem de carro com a família: como não gastar muito

Viagem de carro com a família: como não gastar muito

Viajar de férias com a família é um momento pelo qual todos esperam ansiosamente. E a primeira a coisa a se fazer é definir como chegar ao destino. Dependendo do lugar, as passagens de avião podem ficar muito caras, principalmente com as novas regras de cobrança por bagagem despachada. Com isso, a viagem de carro volta à pauta das famílias brasileiras.

Mas não se preocupe. Viajar de carro com a família pode ser um programa muito gostoso, desde que você saiba como planejar a viagem. Caso contrário, o barato pode sair caro, já que você vai gastar mais colocando o carro na estrada.

Neste post vamos mostrar como você pode fazer uma viagem de carro com a sua família gastando pouco. Assim você consegue tornar o trajeto uma parte do passeio e ainda incrementa o orçamento que foi feito para ser gasto durante as férias.

1. Planejamento

Para que qualquer viagem seja um sucesso é necessário investir algum tempo planejamento o passeio. Principalmente se você vai colocar o carro na estrada.

A primeira providência é colocar no papel todos os gastos previstos para a viagem. Isso varia de acordo com o destino que você escolheu, já que o tipo de despesa que se tem em uma praia é diferente daquele que se tem no campo, por exemplo.

Neste planejamento, é importante que você considere as distâncias que serão percorridas, já que quanto mais longe for o destino, mais caro ficará a viagem. Outro ponto a ser considerado neste sentido, é com relação aos pedágios que podem existir no trajeto.

Procure verificar, também, as condições da estrada que leva até o local de destino. Se for uma rodovia muito ruim, com histórico de problemas, talvez seja melhor escolher um destino para o qual a viagem possa ser feita de forma mais tranquila.

Não se esqueça também de incluir no seu planejamento as despesas com a viagem de volta. Muitas pessoas se esquecem dela, mas o gasto para voltar é o mesmo que foi realizado para ir.

2. Revisão do carro

Escolhido o destino e finalizado o planejamento, é hora de cuidar do carro. Afinal de contas, é por meio dele que você conseguirá chegar ao seu destino para curtir as merecidas férias. E ninguém quer ter surpresas desagradáveis na estrada, não é mesmo?

Leve o veículo para fazer uma revisão detalhada em itens como suspensão, estado das correias do motor, alinhamento, balanceamento, luzes de alerta, entre outros.

Antes de viajar, cuide de detalhes como os equipamentos de emergência para a troca de pneus e sinalização. Se algo estiver faltando, procure em lojas especializadas.

Em relação aos pneus, veja no manual do proprietário qual é a pressão recomendada para os dianteiros e traseiros. Geralmente, as montadoras indicam valores diferentes para o caso de carros cheios ou vazios.




Na hora de calibrar o estepe, procure aumentar o valor indicado em duas libras, já que você não sabe em qual situação precisará usar o pneu sobressalente.

Cuidar de todos esses itens pode parecer muito caro para o orçamento da viagem, mas quem precisa consertar o carro em oficinas espalhadas pela estrada gasta pelo menos o dobro. Isso sem contar o risco de uma falha prejudicar a segurança de todos os passageiros.

3. Combustível

Em geral, o combustível custa muito mais caro em postos que ficam na estrada do que naqueles que estão nas grandes cidades. A explicação é simples: como estão distantes dos centros de distribuição, o gasto com logística é maior e o dono do posto precisa repassar este custo para o consumidor.

Portanto, antes de colocar o pé na estrada você precisa planejar como será o abastecimento do seu carro durante a viagem. Caso você esteja viajando para um lugar mais longe, será necessário abastecer no caminho.

A primeira providência é encher o tanque antes de sair de casa. No seu planejamento, faça uma conta de quantos quilômetros seu carro é capaz de rodar com aquele tanque inicial. Dessa forma, planeje para que a parada possa ocorrer dentro de alguma cidade no caminho, onde geralmente o combustível é mais barato do que na estrada.

Para o retorno, faça o mesmo planejamento para não ser pego de surpresa.

4. Cuidado ao fazer as malas

Quanto mais pesado o carro, mais combustível e pneus ele gasta. Essa é uma matemática simples para quem coloca o veículo na estrada e, por isso, você pode melhorar o seu resultado.

Viagens de férias não combinam com pouca bagagem, mas você pode encontrar maneiras de diminuir o peso extra com bastante planejamento.

Tente fazer um plano considerando a quantidade de dias em que vai ficar no local. Também é importante que você já tenha a programação parcialmente definida para conseguir saber quantas e quais peças precisará levar. Coloque na mala aquelas roupas que possam se repetir mais de um dia para evitar o excesso de peso.

5. Trajeto econômico

Viajar de carro consome mais tempo do que o mesmo trajeto feito de avião. Portanto, é preciso que você tome cuidado para que essa parte do passeio não fique mais cara do que o necessário.

Ao programar as paradas, tente incluir locais que tenham uma boa estrutura, principalmente se você tiver filhos pequenos. Mas tente não gastar todo o seu dinheiro com lanches nestes lugares, que geralmente são bastante caros.

Faça alguns lanches que possam ser levados em uma sacola térmica. Além de comer de forma mais saudável, você ainda economiza.

Se for necessário dormir no caminho, pesquise quais são as cidades que possuem melhor infraestrutura e veja quais são os hotéis disponíveis. Mas não faça reserva antes. Os hotéis costumam cobrar preços maiores para quem se antecipa. Se for uma cidade do interior, não se preocupe, pois é muito difícil que não haja vagas para uma noite.

Se você seguir esses passos, tem tudo para fazer uma viagem de carro segura, divertida, rápida e barata. Não se esqueça de dirigir com muita atenção e não tenha pressa para chegar. O trajeto até a cidade escolhida pode ser uma parte importante do passeio!

Gostou dessas dicas? Compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais!




  • Publicado

    23 de março de 2017

  • Categoria

    Educação Financeira

  • Tags Relacionadas

    Família Viagem